Buscar
  • Brasil Bio Fuels

Leilão de energia para Roraima contrata 293,8 MW de potência

Por Camila Maia - 31/05/2019 SÃO PAULO  - O leilão de geração de Roraima terminou nesta sexta-feira com a contratação de 263,5 megawatts (MW) de potência disponível, com 48,7 MW médios de energia inflexível associada. A potência nominal dos projetos contratados soma 293,8 MW.

Segundo dados disponibilizados pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), os empreendimentos contratados vão movimentar R$ 1,6 bilhão em investimentos.

Esse foi o primeiro leilão de energia do governo de Jair Bolsonaro, marcando a estreia de um novo modelo de contratação. Com o objetivo de atender o consumo de energia em Roraima, único estado não interligado com o restante do país, o certame contratou a potência como um produto separado pela primeira vez. Outra inovação foi a possibilidade de adquirir soluções de suprimento de várias fontes combinadas, inclusive com baterias para armazenamento de energia.

O certame contratou 225,4 MW em potência do subproduto de gás e renováveis, e outros 38,1 MW de outras fontes. O único projeto movido a outras fontes contratado foi o empreendimento Monte Cristo Sucuba, da Oliveira Energia, movido a óleo diesel, com 38,1 MW de potência disponível. O preço de referência do contrato é de R$ 1.059,17 por megawatt-hora (MWh), deságio de 1,74% em relação ao preço máximo, que era de R$ 1.078/MWh. O investimento estimado no projeto é de R$ 126,9 milhões. No produto gás e renováveis, o maior projeto contratado foi o Azulão, da Eneva, a gás natural. O empreendimento, que será objeto de R$ 425,4 milhões em investimentos, tem potência nominal de 126,3 MW e foi vendido ao preço de referência de R$ 798,17/MWh.

A potência restante dos empreendimentos de fontes renováveis foi dividida em projetos menores híbridos de biocombustíveis, biomassa, radiação solar e cavaco de madeira.

Entre esses projetos, destacam-se dois empreendimentos da Brasil Bio Fuels (BBF), que combinam biocombustível com biomassa e radiação solar, respectivamente. A Enerplan, por sua vez, contratou um projeto de biocombustível com radiação solar. Os quatro projetos de cavaco de maneira são da Uniagro.

68 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Audiência pública Amazonbio

AMAZONBIO estará em audiência pública do dia 17/03 a 17/04, referente ao projeto RENOVABIO, para emissão e comercialização de CBios. Logo após esta etapa aguardará a devida homologação da ANP para i

Siga-nos

  • Facebook
  • Instagram
  • LinkedIn - círculo cinza

(11) 2770-2000

Rua Bela Cintra, 904 – 6º Andar

CEP 01415-002

Consolação - São Paulo/SP

contatos@bbfuels.com.br

BRASIL BIO FUELS © 2020 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS